“Hiring good people is hard. Hiring great people is brutally hard. Yet nothing matters more in winning than getting the right people on the field, then guiding them on the right way to succeed and get ahead.” (Jack Welch)

Realmente concordo com Jack Welch (considerado um dos maiores líderes do Século XX) sobre o quão difícil é fazer contratação de pessoas. Selecionar as pessoas certas para as atribuições adequadas, por perfil ou competência. E projetos, dependem de pessoas, que contribuam positivamente no desenvolvimento do projeto a que estão envolvidos.

Só que, vemos com muita freqüência, projetos que ouvimos falar a seguinte frase “Tínhamos tudo para ter sucesso neste projeto (pessoas competentes, conhecimento do negócio, custos adequados, …)”, no entanto, não se conseguiu atingir o sucesso. Fazendo um pequeno parêntese no assunto, “sucesso” em projetos é outro assunto bem subjetivo, mas que abordarei com mais detalhes em um momento mais oportuno.

Bom, então o que pode ter acontecido? Muitas coisas, é verdade! Mas podemos perceber uma coisa. Contratar pessoas adequadas ao projeto ou à organização, realmente é difícil, mas manter estas pessoas motivadas pode ser muito mais difícil. Dentre as competências necessárias para a gerência de projetos, citaria a liderança como sendo umas das principais.

Mas o que é liderança?

Liderança é o processo de conduzir um grupo de pessoas. É o poder de motivar e influenciar os liderados para que contribuam da melhor forma com os objetivos do grupo ou da organização. (Lacombe, F.J.M. – Administração: princípios e tendências. 1.ed. São Paulo: Saraiva, 2003)

Seja em projetos ou em outras áreas da organização, o líder tem a função básica de guiar as pessoas de sua equipe, na execução de suas atividades, identificar prioridades, a necessidade de desenvolvimento da equipe, capacitação, fazer o papel de coaching (treinador) e mentoring (fazendo com que as pessoas pensem e desenvolvam suas capacidades e competências). Em resumo, um líder tem a capacidade de influenciar as pessoas através de seu poder, levando-as para um melhor desempenho e qualidade de seu trabalho.

Vamos entender quais os tipos de poder de um líder.

  • Poder legítimo, execido através de uma formalização (obtenção de um cargo).

  • Poder de referência, execido de forma natural. É reconhecido por sua capacidade e carisma.

  • Poder do conhecimento, exercido através de seu conhecimento do negócio, da tecnologia, experiência… Também é reconhecido naturalmente entre seu colegas de trabalho.

A liderança é um tema importante para os gestores devido ao papel fundamental que os líderes representam na eficácia do projeto, do grupo e da organização. Liderar pessoas não é uma tarefa fácil, pois exige paciência, disciplina, humildade, respeito e compromisso, pois a organização é um ser vivo, dotado de colaboradores dos mais diferentes tipos.

Então, que tipo de liderança você exerce?